Conheça 4 tendências de automação residencial

Tempo de leitura: 3 minutos

O desenvolvimento de novas tecnologias e de maior conectividade está possibilitando uma revolução digital em muitos setores, incluindo a automação residencial. Com muitos recursos inovadores e práticos, a cada dia ela ganha mais espaço nos projetos de casas e prédios.

Um sistema bem planejado e instalado otimiza o funcionamento de todos os equipamentos da casa, proporcionando mais comodidade, economia e segurança. Além disso, uma imensa variedade de opções viabiliza a criação de projetos personalizados, de acordo com o estilo de vida e as preferências dos moradores.

Quer saber mais sobre as principais tendências de automação residencial? Então confira estas 4 dicas que preparamos especialmente para você!

  1. Integração de sistemas

A integração deve receber atenção especial em um projeto de automação residencial. Um moderno sistema possibilita a conexão dos mais diversos equipamentos e recursos eletrônicos para que possam funcionar como um conjunto unificado.

Quanto mais aberto ele for, mais fácil será integrar os recursos de iluminação, segurança, comunicação, áudio e vídeo, por exemplo. O melhor padrão de comunicação é o da internet.

Prefira modelos que têm protocolos abertos e baseados em redes TCP/IP. Isso facilita a integração de sistemas com tecnologias diferentes, mas que usam a mesma linguagem.

  1. Acesso remoto

Dependendo do estilo de vida e das preferências do usuário, a utilização dos equipamentos de automação pode ser cada vez mais personalizada. Com um controle unificado, ele pode ter uma visão completa dos equipamentos da sua casa, de onde estiver, por meio da internet.

É importante considerar que as pessoas não estão acostumadas com programações complexas. Assim, os sistemas utilizados devem ter interfaces de fácil manuseio e comandos simples, para possibilitar o controle de diversas funções com o smartphone, o tablet ou um controle remoto universal.

  1. Eletrodomésticos mais inteligentes

Além de facilitar o controle de tudo, de qualquer lugar, a automação avançou ainda mais. Agora, também é possível controlar remotamente os eletrodomésticos que fazem parte de cada ambiente da casa.

Os equipamentos podem ser acionados por meio de um simples comando no smartphone ou tablet. Ligar a cafeteira enquanto se levanta da cama ou aquecer os pães sem ter saído do quarto são situações que deixaram de ser apenas um sonho e se tornaram realidade, entre muitas outras comodidades.

 

  1. Segurança avançada

Os sistemas mais modernos podem integrar câmeras, alarme, controle de acesso, biometria e outros recursos. As fechaduras digitais e biométricas, por exemplo, permitem que as pessoas cadastradas possam ter acesso ao local apenas em determinados horários ou a qualquer momento.

Com áudio, vídeo e conexão sem fio, os sistemas possibilitam que os equipamentos sejam colocados em qualquer lugar da casa. Muitos desses produtos parecem objetos comuns do cotidiano e podem ser “camuflados” na decoração.

As câmeras de vigilância têm outras funções, além de fazer apenas gravações. Podem, também ligar luzes, equipamentos de som ou alarmes, quando alguma movimentação suspeita for identificada. E, ainda, enviar uma notificação para o smartphone ou tablet do usuário, informando sobre essa ocorrência.

Gostou dessas informações sobre tendências de automação residencial? Seja qual for sua opinião, comente esse post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *